quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

Justiça bloqueia bens de Pimentel Decisão envolve R$ 10 milhões de diversos acusados de irregularidades em um contrato em 2004

1
Em 2004. Fernando Pimentel era prefeito de Belo Horizonte na ocasião do contrato com a CDL

BRASÍLIA. A Justiça de Minas Gerais determinou o bloqueio de aproximadamente R$ 10 milhões em bens do governador Fernando Pimentel (PT) e de mais cinco pessoas, em uma ação civil de improbidade relativa a uma contratação feita em 2004, quando ele era prefeito de Belo Horizonte.
Pimentel responde na Justiça desde o ano passado, quando um juiz acolheu ação do Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) que acusa o então prefeito de ter quitado dívidas tributárias que a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) da capital mineira tinha com a prefeitura com dinheiro público. O governo nega irregularidades.
O valor devia ser usado para implantar um programa de monitoramento eletrônico na cidade chamado “Olho Vivo”.
Além do governador e da CDL, o atual chefe da Casa Civil de Minas, Marco Antônio Rezende Teixeira, e mais quatro pessoas respondem ao processo. Teixeira era procurador do município à época.
Inicialmente, eles não tiveram os bens indisponibilizados, mas a Promotoria recorreu e, por dois votos a um, o Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) decidiu pelo bloqueio.
Em seu voto, um dos desembargadores justificou que há “fortes indícios de lesão ao patrimônio público” e inexiste “qualquer prova contundente a afastar os fatos improbos imputados aos réus”.
A decisão que pede a execução do bloqueio é do último dia 17 e diz que a própria CDL já apresentou um imóvel para cumprir o mandado. Enquanto o bem não é avaliado, o bloqueio será feito entre os outros citados.

Defesa. Procurado, o governo de Minas Gerais se manifestou por meio do secretário da Casa Civil. Teixeira disse que irá recorrer e que “apenas lamenta a decisão”. “Isso causa um dano pessoal enorme. As câmeras estão instaladas, funcionam até hoje e são usadas pela Polícia Militar”, afirmou.
A CDL também foi procurada, mas não se pronunciou até o fechamento desta página. Em ocasiões anteriores, havia dito que “sempre se pautou por desempenhar e executar uma conduta lícita e irreparável” e que “o Projeto Olho Vivo foi executado em cumprimento à legislação vigente”. “Tudo será comprovado nos autos do processo”, disse nota da câmara.
Olho vivo. Segundo o magistrado que aceitou a ação no ano passado, Wauner Batista Ferreira Machado, o contrato firmado, sem licitação, entre a CDL e a Prefeitura de Belo Horizonte previa o repasse de R$ 14,7 milhões, em valores da época, para o Olho Vivo. Desse total, chegaram a ser transferidos R$ 8,4 milhões.
Enquanto os valores eram transferidos, afirmou o juiz, as parcelas do débito tributário da CDL iam sendo quitadas. De acordo com as provas juntadas aos autos, a CDL apresentou notas fiscais falsas como comprovantes da compra do material eletrônico de monitoramento.
O magistrado justifica o atraso na decisão por conta da dificuldade em notificar todos os réus. Cinco deles chegaram a pedir as remessas dos autos para o procurador geral de Justiça, alegando que só ele teria competência para processar o governador, mas o juiz diz que a prerrogativa de Pimentel é apenas na esfera criminal, e não cível.
Pedido
Decisão. O bloqueio de bens foi pedido pelo Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) em 2013, nove anos após o contrato que é questionado. 
Fonte:http://www.otempo.com.br/capa/pol%C3%ADtica/justi%C3%A7a-bloqueia-bens-de-pimentel-1.1439113
Compartilhar:

0 comentários:

Postar um comentário

Anuncie aqui!

Anuncie aqui!
Para anunciar aqui faça contato com (35) 3715-7938

Poltrona 1 Turismo

Poltrona 1 Turismo
Venha viajar com a gente!

JEIZA MANICURE "UNHAS EM GEL"

JEIZA MANICURE "UNHAS EM GEL"
TELEFONES - (35) 3721-3625 e (35) 9 9943-0635 E-mail: jeizaxu@hotmail.com

JARDIM SECRETO OUTLET INFANTIL

JARDIM SECRETO OUTLET INFANTIL
JARDIM SECRETO OUTLET INFANTIL

WHATSAPP da Regional do Cscs Poços de Caldas

WHATSAPP da Regional do Cscs Poços de Caldas
Deixe sua mensagem

CENTRO SOCIAL DOS CABOS E SOLDADOS

Seguidores do Blog:

Total de visualizações de página

Postagem em destaque

Adalclever rejeita impeachment de Fernando Pimentel

Pedido foi feito pelo advogado Mariel Marra, que também tenta derrubar Temer. http://www.otempo.com.br/capa/pol%C3%ADtica/adalclever-re...

Arquivo do blog